Colaboradores da Sottelli recebem certificações internacionais

Colaboradores da Sottelli recebem certificações internacionais

Publicado por nome do autor em data do post

Nos últimos meses, a Sottelli vem reunindo uma série de boas notícias. A parceria com instituições de ensino para capacitar especialistas Salesforce, a conquista do selo GPTW pelo 2º ano consecutivo e o selo Navigator Specialist em Service Cloud são apenas ótimos exemplos.

Recentemente, porém, nos deparamos com uma excelente novidade que nos trouxe muita felicidade: alguns de nossos colaboradores receberam certificações internacionais em Kanban!

Confira!

Certificação “Kanban Management Professional”

Gustavo (Diretor), Renato (Delivery Manager) e Marcelo (Scrum Master) são os colaboradores da Sottelli que fizeram curso na Kanban University com o instrutor Bruno Ferreira.

Como resultado, foram certificados em:

  • KDS – Kanban System Design (KMP I) e em
  • KSI – Kanban System Improvement (KMP II).

Juntos, estes certificados dão a chancela a estes profissionais de KMP – Kanban Management Professional.

Em outras palavras, foram atestados como especialistas em Kanban, com pleno conhecimento de práticas, rotinas diárias e semanais, e métricas aplicáveis ao método.

E vale lembrar que são raros os profissionais no Brasil com tais certificações. Ou seja, isso faz com que a Sottelli seja mais uma vez pioneira ao contar com estes especialistas em seu quadro de colaboradores.

Kanban-Management-Professiona-KMP

O que é Kanban?

O Kanban é uma metodologia ágil visual de gerenciamento e condução do trabalho.

Nascida em uma fábrica da Toyota, tornou-se popular no desenvolvimento de software devido à flexibilidade, eficiência e velocidade. É aplicável a qualquer indústria e, atualmente, é bastante popular em times de marketing, vendas, recrutamento e operações.

Destrinchando um pouco mais o Kanban, podemos apontar algumas de suas características a seguir:

  • Frequência: fluxo contínuo
  • Metodologia: entrega contínua
  • Funções: não há funções necessárias
  • Principais métricas: tempo de espera, tempo de ciclo, WIP
  • Mudança de filosofia: é possível realizar mudanças a qualquer momento.

E como utilizar o Kanban? Por ser um fluxo de trabalho visual, utiliza-se um quadro (físico ou digital, como o Trello) para planejamento e acompanhamento de tarefas. No quadro, há cartões que vão passando de coluna para coluna.

O conceito de melhoria contínua está sempre pairando no fluxo para controle e engajamento da equipe no trabalho.

David Anderson desenvolveu mais essa metodologia após sua criação e definiu um modelo para o quadro do kanban com 5 componentes: sinais visuais (geralmente cartões), colunas ou listas, limite de trabalho em andamento, comprometimento e prazo de entrega.

Simplificando as “colunas” do seu quadro, você pode utilizar “A fazer,” “Fazendo” e “Feito”.

A importância da certificação Kanban

A certificação da Kanban University é de extrema importância para qualquer profissional que trabalha com essa metodologia ágil.

Concluir os cursos e obter o certificado de conclusão é receber um atestado da Universidade Lean Kanban, reconhecida mundialmente como o principal organismo de certificação para profissionais Kanban.

Os cursos auxiliam os profissionais a entenderem a fundo o método. Na prática, eles se tornam capazes de identificar e resolver gargalos, trabalhar com mudanças de prioridades e lidar com interrupções de trabalho, abordar trabalhos importantes não críticos e muito mais. Ou seja, ter um fluxo de trabalho eficiente e aprimorar sua atuação na equipe.

Os colaboradores da Sottelli receberam uma importante certificação que atesta sua capacidade de trabalhar com o método Kanban. Confira o que acha o Renato Zandonadi, Service Delivery Manager:

“Na minha visão, mais que uma certificação, o grande valor destes conhecimentos são atribuídos ao diferencial do nosso processo que pode ser aprimorado de modo mais robusto. Toda a questão e exercícios praticados contribuem para abrir a visão, além de aprimorar o leque de ferramentas e levar a pensar fora da caixa na gestão, controle e transparência de projetos, possibilitando atingir altos níveis de maturidade na organização e no reconhecimento de mercado.Um dos grandes desafios de projetos de TI é que não se trata de algo palpável no início. E a junção das boas práticas, metodologias, frameworks e experiência convergem em um controle real, transparente e com o alinhamento da expectativa, sendo um diferencial de organização interna e sucesso ao nível de entrega de projetos nos possibilitando tem uma previsibilidade, mapeamento de riscos e sermos consultivos não somente em técnico, mas em negócio.”

Fale com um especialista!

Fale com um especialista!

    Tudo sobre SCRUM

    Um guia de aprendizagem completo sobre este framework.

    Baixe o e-book agora!